quarta-feira, 6 de maio de 2009

Virada cultural - altos e baixos



Fomos no domingo ver a virada cultural 2009 no centro de Sampa. Depois contei pra uns amigos explicando que haviam altos e baixos.
Bem, se a prefeitura conseguiu fazer um evento completamente multifacetado, que atendeu aos anseios das mais diversas tribos, muito tranquilo, pacífico e alegre, com apresentações bastante interessantes, também pisou na bola com a limpeza das ruas. Tudo bem, o evento foi enorme, durou a madrugada inteira, mas os caras não tem um mega-aspirador ou algum treco assim pra chupar toda aquela lixarada servindo de tapete pra galera?
Tudo bem, a galera também é meio porquinho-cocoricó, afinal não falta gente fazendo até cocô na rua, o fedor de mijo está em todo lugar, somos mesmo uns terceiro-mundistas-suburbanos e não tem jeito mesmo, mas caramba... conscientização também é marketing.
O Alê esteve em Amsterdã justo numa festa mega que os caras tem lá. Imagina o que aquele povo bebe de cerveja... eles usam um mijador digno que poderia ser adotado nesta cidade de mijões, não é mesmo? Afinal quem quer entrar naquelas cabines nojentas que a prefeitura coloca na cidade? Eu sei que não é desculpa, mas o cara tá tão chapado de tanto beber aquele vinho de quinta que mija onde for.
O que esperávamos? Até que estava bem legal.

Um comentário:

Anônimo disse...

bom comeco