segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Lugares comuns


Vi o filme argentino Lugares Comuns no fim de semana. Fiquei muito impressionado com os textos que aproveitam os diálogos muitas vezes tensos entre os protagonistas para tocar em temas controversos.

"A lucidez é um dom e um castigo; Lúcido vem de Lúcifer, o Arcanjo Rebelde, o Demônio. Mas também a estrela d'alva, a mais brilhante, a última a se apagar. Lucifer quer dizer aquele que faz a luz, a luz que permite a visão interior, o bem e o mal, juntos o prazer e a dor. Lucidez é dor, e o único prazer que se pode conhecer, o único que vagamente se parecerá com a alegria, será o prazer da consciência da própria lucidez."

Federico é um brilhante professor de literatura que acaba de ser demitido e tem de encarar problemas financeiros e a possibilidade de uma grande reviravolta em sua vida.

Em sua última aula, recomenda aos alunos que irão se tornar professores mais tarde: "Ensinem seus alunos a pensar, a duvidar, a questionar!"

Assista, assista novamente, reflita e seja feliz.

Nenhum comentário: