terça-feira, 4 de agosto de 2009

Pequeno discurso para um formador de opinião


Brasileiros e brasileiras: Até quando permanecerão em silêncio diante da podridão que presenciam todos os dias na Terra-do-Nunca-Brasília?
Até quando permanecerão em suas casas, em seus empregos, junto de suas famílias sem sair as ruas para se manifestar? O momento pede clamor, pede vida, pede que você cidadão, vá até a rua e se manifeste!
Lembra-se das diretas-já? Aquilo funciona, povo brasileiro! Nós brasileiros fomos capazes de mudar o rumo da história através de um ato de coragem como aquele e podemos faze-lo novamente.
Outros paises do mundo jamais permitiram tamanhas sacanagens sem nada fazer. Veja como se manifesta o povo de nossa irmã-vizinha Argentina: São panelaços, placas, cartazes, piquetes, passeatas e mil manifestações que encontram vida fora do mundo fechado da internet e se materializam nas ruas da praça de maio. Mesmo em paises onde a manifestação pública é recebida com violência por governos totalitários, ela existe e produz resultados importantes. Por que você brasileiro é tão molenga? Por que você brasileiro é tão passivo? Por que você brasileiro acha que não adianta fazer nada e que o problema não é seu?
Até quando você brasileiro, irá suportar ser roubado, enganado, ludibriado, humilhado e esfolado?

O Brasil precisa de você, cidadão. Precisa que você grite, precisa que você esperneie, precisa que você se manifeste nas ruas de sua cidade. O Brasil precisa saber que você existe, que você é um ser humano trabalhador, honesto, defensor de sua família e de seus direitos de cidadão.

O Brasil precisa de um BASTA!
E este BASTA só será ouvido se sua voz o manifestar num alto brado, num brado retumbante: BASTA!

Nenhum comentário: