quarta-feira, 12 de agosto de 2009

O desfecho da saga do aparelho auditivo

Esta é a segunda parte da saga que começou aqui.

Parabéns Silvio Carlos! Você é o feliz proprietário de um Unitron Next 16. Um não, DOIS! Um pra cada escutador de bolero, como diz meu velho pai.

O brinquedo comercializado pela Microsom é um festival tecnológico, muito bom para pessoas com vida ativa como eu. Quem fica mais quietinho em casa e no máximo quer escutar a novela ou os cochichos do porteiro do prédio não precisa de tanta tecnologia, mas o rapaz aqui que vai pro trabalho na oficina, vai pra restaurantes, cinema, analista, sala São Paulo, conversa com gente que grita e com gente que fala super baixo, pega lotação, anda de carro, anda na pé, em lugares abertos e fechados.. tem que ser um brinquedo como esse.
Ele tem alguns programas automáticos onde ele percebe o tipo de ambiente em que você está através de amostragem sonora e muda a regulagem do aparelho de acordo. É capaz de reduzir o som do vento, de ruídos fortes, de sons contínuos como o liquidificador ligado, por exemplo. Além disso tem programas manuais para situações específicas como falar no telefone, ouvir música, ambientes extremamente silenciosos ou extremamente barulhentos.

É do tipo adaptação aberta com o transmissor separado do resto, tornando o brinquedo bem menor e discreto. Não há sensação de ouvido entupido, na verdade é colocar na orelha e esquecer que ele está lá. A qualidade do som é ridiculamente pura e é um perigo entrar no chuveiro com ele porque você simplesmente esquece do aparelho.
Estou esperando chegar uma caixinha nova gratife escuro, não gosto dessa corzinha Michael Jackson tentando se esconder.

Uma maravilha dessas tem um custo alto, o gaget não sai por menos de... Claro sai mais barato ir até os EUA, comprar um e trazer pra casa, mas como fica a garantia? e se quebrar? e a eficiente assistência técnica da Microsom do Tatuapé? Pesei tudo isso na balança e preferi pagar mais caro, afinal não quero me meter em roubadas mais tarde.

Agora quando você vir falar comigo vê se não grita!!

Aproveite para acompanhar este post que dá dicas sobre a adaptação.

2 comentários:

Inahiá disse...

Adorei!
Sensacional! TEcnológico como você.
Só toma cuidado com esse negócio dele regular o barulho do vento. Não vai decolar numa ventaca de 50km/h achando que está 15, hein! hehe

Alice disse...

Alo meu filho, hoje estive na Microson e recebi o jornalzinho com a sua entrevista. Ai vi que voce fala sobre A saga dos aparelhos auditivos e vim ler, e adorei, fiquei pasma de ver o quanto voce entende desse bicho. A Esther colocou um hoje e está deslumbrada. Parabens bj Alice